quinta-feira, 27 de novembro de 2008

O vendedor de notas.

Tem sido uma semana pobrezinha.
A Manuela Ferreira Leite já falou, mas não disse nada com que um gajo possa gozar aqui no Tasco.
O que disse, apesar de ser discutível, é a opinião dela e não pode ser considerado merda, como o que ela disse até agora.
Temos pena.

Mas agora andava aqui a navegar, e encontrei o verdadeiro do indivíduo:
Vendia por 2 euros, notas falsas de 10.

E diz quem viu que enganavam bem (muito bem aliás).
Onde é que ele anda?
Só aqui ao Tasco é que ninguém vem com esses negócios bastante rentáveis.

Saudações Tasqueiras.

Post-Scriptum: Meu amigo, se por acaso passares aqui e leres isto, deixa um comentário e pode ser que tenhas negócio. Também aceito trocas de notas de 50 euros por notas de 5.

6 comentários:

DANTE disse...

E ainda dizem que o dinheiro tá caro... ;D

Um abraço Tasqueiro

Taxi Driver disse...

No meu táxi é que não me comem com essa! Tenho o detector de notas falsas! :D

Carmita disse...

A crise tem destas coisas...chama-se o "desenrascanço"!

Álvaro disse...

Se esse negócio fosse bom, já o Dr.Loureiro tinha agarrado.

Não é esse, é o Dias

AP disse...

O índividuo que fazia esse negócio chamava-se José Sócrates e ao que tudo indica ainda conseguiu ganhar umas eleiçoes e ser Primeiro Ministro.

Miguel disse...

Ca ganda pinta!.. e que ganda lata.
O "desenrascanço" à tuga!

Abraço da tola!